Indicações e como usar o conformador de umbigo

Após uma abdominoplastia, muitos médicos costumam indicar o uso do conformador de umbigo, também chamado de órtese de umbigo.

Além da abdominoplastia, esse item pode ser usado nos casos de lipoaspiração, cirurgia de hérnia e bariátrica, ajudando a modelar o umbigo no pós-operatório.

Quer entender melhor? Siga conosco!

O que é o conformador de umbigo?

O conformador de umbigo, ou órtese de umbigo, é um produto de silicone que ajuda a evitar a retração da cicatriz, proporcionando um umbigo mais natural após procedimentos cirúrgicos.

Em alguns processos pós-operatórios, há o risco da retração da cicatriz, fazendo, por exemplo, com que o umbigo se feche. O conformador de umbigo, portanto, evita que isso aconteça, garantindo um resultado mais estético.

Antigamente, esse procedimento era feito com gaze ou outros materiais plásticos. Mas hoje já existe um produto específico para isso, garantindo um resultado melhor e um pós-operatório mais tranquilo.

Tipos

O conformador de umbigo pode variar de acordo com o seu formato. Alguns são mais cilíndricos e outros têm um formato de trapézio. As órteses ainda precisam ser adaptadas a cada fundo de umbigo (alguns são mais fundos e outros mais rasos), então seu cirurgião deverá indicar o tipo adequado, garantindo que ele fique certinho dentro do umbigo.

Quando e como usar a órtese de umbigo?

Esse produto é indicado basicamente para pós-cirúrgico de abdominoplastia, lipoaspiração, cirurgias de hérnias e bariátricas.

Ele ajuda a:

  • prevenir uma contração da ferida umbilical;
  •  evitar a formação de cicatrizes hipertróficas ou queloides, que poderiam fechar o umbigo (o silicone realiza uma pressão nas bordas da cicatriz, evitando as chances de desenvolver esse tipo de cicatrização);
  • moldar e modelar o umbigo, deixando-o mais arredondado.

As órteses não são indicadas em todos os casos de abdominoplastia, porém, em casos específicos, elas trazem benefícios muito importantes, evitando a fibrose e a estenose.

Como usar

O conformador de umbigo apenas deve ser usado após a retirada da sutura e com a liberação e indicação médica. O item não deve ser usado com pomadas ou cremes, que podem interferir no correto posicionamento.

O uso deve ser feito a cada 12 horas e com descanso de 12 horas, ou a cada 8 horas, com descanso de 4 horas, de acordo com a prescrição do seu cirurgião.

Cuidados

O conformador de umbigo deve ser limpo com água e sabão neutro, sem friccionar excessivamente. A higienização deve ser feita, pelo menos, uma vez por dia. Deixar secar naturalmente.

Como deve ser o cuidado com o umbigo após a abdominoplastia?

Além de remover a gordura, na abdominoplastia é realizada uma espécie de amarração dos músculos do abdômen, chamado de plicatura. Durante esse processo, o cirurgião realiza uma incisão circular ao redor do umbigo.

como usar o conformador de umbigo

Na sequência, a pele é esticada e cortada para retirar o excesso e a flacidez. Um novo corte será feito, então, para remodelar o umbigo, usando a técnica mais indicada para o seu caso, garantindo ao umbigo uma aparência bonita e natural.

O novo umbigo ficará posicionado aproximadamente na altura onde seria o cordão umbilical. Quando o umbigo é refeito, a cicatriz fica escondida dentro da cavidade umbilical.

Cuidados com o umbigo

No pós-cirúrgico, é importante cuidar do umbigo, garantindo um resultado harmônico e uma plena recuperação. Algumas dicas são:

  •  lavar o umbigo com água e sabão;
  • trocar o curativo de acordo com a indicação do seu médico;
  •  manter-se curvada nos primeiros dias do pós-operatório;
  • evitar se expor a luz solar nos primeiros dias;
  • evitar carregar peso, se movimentar e traumas excessivos na região operada;
  •  caso você tenha tendência à formação de queloides ou cicatrizes hipertróficas, informe seu médico já no pré-operatório, para que ele defina o tipo correto de sutura e os cuidados específicos;
  •  seguir todas as orientações do seu médico para o uso do conformador de umbigo e só retirar após a liberação médica.

Quais os demais cuidados no pós-cirúrgico da abdominoplastia?

Em geral, após uma abdominoplastia, o período de repouso é de 10 dias – mas o tempo total de recuperação pode se estender por até 2 meses. Dependendo do caso esse tempo pode ser maior.

Veja alguns cuidados que você precisará ter após a sua cirurgia plástica.

Posição para dormir

É importante sempre dormir de barriga para cima, evitando dormir de bruços ou de lado, pelo menos nos primeiros 15 dias. Coloque alguns travesseiros na cabeceira da cama, para dormir levemente recostado.

As pernas precisam ficar levemente flexionadas, evitando a contração do abdômen. Uma dica é colocar almofadas em baixo das pernas.

Posição para andar

Para andar nos primeiros 15 dias, mantenha suas costas um pouco curvadas e as mãos sobre a barriga, como se estivesse apoiando as mãos.

Cinta modeladora

A cinta modeladora, geralmente, é indicada para ser usada por 1 mês, mas seu médico poderá prescrevê-la por mais tempo. O principal objetivo da cinta é comprimir o abdômen para reduzir o acúmulo de líquidos, oferecendo conforto e segurança, modelando as curvas, reduzindo as dores e facilitando os movimentos.

Além da cinta, seu médico poderá prescrever o uso de meias de compressão que só devem ser retiradas quando você voltar a caminhar normalmente e a realizar as pequenas tarefas diárias.

Alimentação

Manter uma dieta saudável fará toda a diferença na sua recuperação e também na manutenção do resultado. Beba bastante líquido para evitar a retenção de líquidos.

Retorno às atividades

As atividades diárias devem ser retomadas pouco a pouco, sempre respeitando o limite da sua dor, evitando esticar muito o abdômen e fazer esforços excessivos.

O retorno ao trabalho pode ser feito cerca de 10 dias após a cirurgia, caso você não tenha de ficar muito tempo em pé e nem realizar exercícios vigorosos.

Movimentação

Para evitar a formação de coágulos, é indicado que você movimente as pernas a cada 2 horas e faça massagens na região pela manhã e antes de dormir.

As atividades moderadas só podem ser retomadas após 1 mês de repouso e a musculação apenas entre 2 a 3 meses depois da cirurgia.

Agora, você já sabe como usar o conformador de umbigo e os principais cuidados para um resultado perfeito da sua abdominoplastia? Confira o nosso infográfico como tratar os diferentes tipos de cicatrizes e saiba mais”