Sabe o Que é Ptose Mamária?


/uploads/oldnoticiasimages/2015/7/127_183_noticia_g.jpg
Os seios, como qualquer outra parte do corpo, sofrem com o tempo e com a gravidade. E a ptose mamária não fica longe destes termos, pois trata-se da queda dos seios.
 
Quando a pele está muito flácida ou em casos de mamilos pesados, como acontece com pacientes diagnosticadas com mama tuberosa, os seios caem, gerando desconforto para a mulher. A ptose mamária acontece independente do tamanho das mamas, ou seja, mulheres com seis pequenos também podem sofrer deste problema.
 
Ela é classificada em três diferentes grupos:
 
Grupo I: Quando as mamas são grandes e hipertróficas, onde os médicos indicam a mamoplastia redutora, retirando todo o excesso de tecido adiposo.
 
Grupo II: Quando o tamanho dos seios da paciente é proporcional ao seu corpo mas ainda existe um excesso de pele. Quando retirado esse excesso, ainda precisará de outros cuidados para que as mamas não voltem a cair.
 
Grupo III: São os seios pequenos e caídos, quando as glândulas mamárias pesam e não existe base para sustentar seu peso. Nesses casos, o melhor tratamento é a mamoplastia de aumento.