O que é contorno corporal e quando procurar?

O contorno corporal também pode ser conhecido por outros nomes: lipectomia da cintura, levantamento de tronco ou levantamento corporal. É um procedimento cirúrgico que reduz o excesso de pele, flacidez e outros tecidos que ficam sobrando após o paciente passar por uma perda de peso. 

A cirurgia plástica do contorno corporal é realizada para melhorar, como o próprio nome diz, o contorno do corpo, dando maior sustentação para a pele e, dependendo da área do corpo em que é realizada, melhora a forma e tônus ​​do tecido que dá suporte para pele e gordura. Em resumo, nenhum procedimento, gordura em excesso e flacidez da pele são removidos.

Quando procurar contorno corporal?

Curioso para saber quando definido por um procedimento de contorno corporal? Bem, sabemos que a prática de exercícios promove emagrecimento e também promove melhor tonificação dos contornos do corpo, principalmente quando em paralelo, a pessoa concilia com uma dieta saudável.

Mas nem sempre podem proporcionar os resultados esperados. Em alguns casos, o emagrecimento rápido e pode deixar a pele flácida. É o que acontece também com quem passa por cirurgia bariátrica e perde muito peso em pouco tempo. Pacientes bariátricas costumam realizar sempre o levantamento corporal para remover a grande quantidade de tecido flácida, principalmente nas regiões do abdômen, braços e coxa.

A procura pelo body lifting também é feito em casos de: pós-envelhecimento, agressões causadas pelo sol, oscilações de peso (ou efeito “sanfona”) e fatores genéticos que influenciam diretamente na elasticidade da pele.

Bons candidatos à cirurgia de contorno corporal

A cirurgia de levantamento de corpo é indicado para quem deseja:

  • Tenham passado por cirurgia bariátrica ou perda radical de peso, ficando com excesso de pele;
  • Possuem flacidez implicam dos tecidos moles;
  • Envelheceram e perderam peso, buscando um contorno corporal mais jovem;
  • Que buscam melhorar auto-estimar;
  • Se sente incomodado com cicatrizes, principalmente ao redor da cintura;
  • Buscam uma vida mais saudável, com alimentação adequada para manutenção do resultado pós procedimento de contorno corporal.

Como é feito o levantamento de corpo?

O contorno corporal pode ser realizado nas seguintes áreas dos glúteos, abdômen, axilas e coxas.

Na região do abdômen é considerada como uma espécie de abdominoplastia mais completa, porque o procedimento se estende para os lados e lombar, retirando todo o excesso de pele.

Geralmente as etapas se dividem em:

  1. Anestesia
  2. Incisão
  3. Fechamento das incisões

No entanto, antes da cirurgia de contorno corporal, o médico cirurgião faz a demarcação dos locais de incisão e toda a área que será trabalhada. As marcações são apanhadas em estratégias estratégicas para que a cicatriz não fique exposta, por exemplo, que ela fique escondida na linha do biquíni ou sutiã.

O paciente recebe uma anestesia geral. O cirurgião faz a incisão, removendo o excesso de gordura e pele, em seguida, reposicionando os tecidos nos lugares corretos, fechando as incisões com suturas profundas que são absorvíveis na pele. Por fim, a pele da incisão recebe os pontos.

Como se preparar para a cirurgia?

Assim como em qualquer procedimento de cirurgia plástica, para um procedimento de contorno corporal é preciso realizar uma avaliação médica e exames laboratoriais para que o médico cirurgião identifique se o paciente está saudável e apto, além de fatores genéticos e de risco.

Também examina e tira como medidas do corpo, fotografando para prontuário médico. O médico também discute os resultados da cirurgia e alguns cuidados no pós-operatório, como uso de cintas cirúrgicas, para que o paciente possa comprar uma peça antecipadamente.

 

Muitas vezes é aconselhável adaptar-se ao uso de medicamentos e evitar outros, como aspirina, que podem aumentar conforme as chances de hemorragia.

Para pacientes convenientes, é importante que interrompa o hábito com muita antecedência. 

Cuidados pós-operatório 

Como o procedimento de contorno corporal é bem invasivo e delicado, é importante que o paciente permaneça alguns dias no hospital para ter acompanhamento médico de perto nos primeiros dias de recuperação.

O uso de roupas de compactação, como cintas e sutiãs cirúrgicos precisa ser feito por, no mínimo, 6 a 8 semanas. As roupas dão sustentação e apoio para o corpo, que precisa para atingir o contorno desejado. Também ajuda com a melhor cicatrização das suturas e diminuir os inchaços. 

Alguns pacientes precisam fazer uso de meias compressivas e injeções de heparina, evitando o surgimento de TVP - trombose venosa profunda.

Esforços e atividades físicas pesadas precisam ser evitados por, pelo menos, seis semanas, podendo retomar gradualmente a prática.

Nas primeiras semanas, o paciente precisa usar roupas confortáveis ​​e tecidos leves, fáceis de remover, evitando o esforço na hora de colocar e retirar.

A retirada dos pontos é feita após sete dias. A cicatriz deve ser limpa e bem seca, todos os dias

É essencial acompanhamento médico ao longo da recuperação. Importante ressaltar que o tempo total da recuperação vai depender de cada paciente e suas peculiaridades, bem como fatores genéticos e cuidados.

Riscos e complicações

Como todo procedimento cirúrgico de alta complexidade, o contorno corporal oferece riscos para o paciente. Os mais comuns são: reações à anestesia, hemorragia, infecção, má cicatrização, acúmulo de líquido, dormência ou mudanças dos sentidos da pele, frouxidão, dor, assimetrias, cicatrizes desfavoráveis, além de trombose venosa profunda (TVP), além de pulmonares e cardíacas.

As complicações podem ser evitadas quando o paciente procura um profissional especializado, bem recomendado e de confiança, assim como a clínica ou hospital onde fará o procedimento. Os cuidados com o pós-operatório do procedimento de contorno corporal também influenciam diretamente nas reações e na recuperação do paciente. Tomando todas as preocupações, o paciente garante uma cirurgia de levantamento corporal bem local e com resultados estéticos esperados.

Outros procedimentos combinados com o contorno corporal

A cirurgia de contorno corporal é realizada também em conjunto com outros procedimentos, como uma lipoescultura em casos onde o paciente tem complicadores genéticos que causam uma flacidez da pele.

Outra cirurgia comum de ser realizada em conjunto é uma mamoplastia de aumento, onde um paciente aproveita para colocar as próteses de silicone, garantindo assim maior sustentação das mamas, além do aumento do volume. Saiba mais sobre prótese de silicone para melhorar uma autoavaliação

Esteja bem antes de tomar qualquer decisão é o mais importante! Por isso, não deixe de assinar a nossa newsletter!